Circuito Netas
  • Home
  • Desenvolvimento de pessoas

4 Estratégias para Desenvolvimento Pessoal

Provavelmente, dentre as preocupações que ocupam seu cotidiano, estão a performance no trabalho, a qualidade na linha de produção, a emissão de documentos, prazos ou qualidade de entrega. Além de ocupar o seu tempo, também ocupam a sua mente e nem sempre existe uma consciência das perdas e ganhos que a realização dessas tarefas nos traz.

Ainda, é comum que as metas da empresa sejam aderidas por você como se fossem as suas próprias metas. Claro que as metas da empresa são importantes. Ainda assim, é preciso que cada pessoa comece seu dia com a clareza de seus objetivos e metas pessoais.

Pense nas pessoas mais bem-sucedidas que você conhece. Perceba as escolhas que elas fazem durante seus dias e o quanto elas investem tempo para seu desenvolvimento pessoal e profissional.

Imagino que possa constatar como as pessoas bem-sucedidas fazem as escolhas de suas tarefas, com foco e clareza num objetivo. Também, como investem tempo em estudos e autoconhecimento, mantendo-se abertos para absorver novos conteúdos e prontos para mudanças.

“Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças. ”- Charles Darwin

Para enfrentar mudanças, visando adquirir novos comportamentos, conhecimentos ou alcançar um objetivo, é preciso estar comprometido com você mesmo, a despender energia e a fazer esforços de adaptação.

O desenvolvimento pessoal te prepara para enfrentar melhor, tanto as tarefas cotidianas, quanto as adversidades e necessidade de mudança. O autoconhecimento, alinhado a uma estratégia de desenvolvimento pessoal, com certeza, te impulsiona a viver melhorias pessoais e profissionais.

Dicas para uma boa estratégia de desenvolvimento pessoal:

Especifique Metas

Saber para onde você vai e onde quer chegar é crucial para escolher as ações que te levem a essa conquista.

Atenção com as tarefas cotidianas

Cuidado nas tarefas cotidianas pois são apenas “obrigações”. Caso não estejam congruentes com as suas metas, repense as prioridades. Organize as tarefas de modo que você se mantenha focado em suas metas.

Escreva novas histórias

As experiências antigas podem te apoiar a descobrir seus talentos e limites. Volte nas velhas histórias e experiências de vida, avalie aquelas que não deram certo. Você pode listar o que poderia ter feito de diferente que, com certeza, te levaria ao sucesso.

Aprenda sempre

É importante manter sua mente em aprendizado, ajudando você a ter novas ideias, maior conhecimento de suas habilidades e competências e ter resultados positivos. Procure os recursos, livros, pessoas, que possam te ensinar e apoiar em seu desenvolvimento pessoal.

O que é Treinamento Vivencial

Estimular a motivação e o desenvolvimento de equipes é um grande desafio no mundo corporativo, e é por isso que os gestores estão sempre em busca de novos métodos para alcançar esses resultados. Dentre as soluções existentes no mercado, a realização de um treinamento vivencial é bastante eficaz na hora de motivar a sua equipe, pois favorece o aprendizado por meio práticas vivenciais que exploram as emoções, a reflexão e a consciência de seu time. Tudo isso impacta diretamente no aumento da produtividade e na melhoria da qualidade dos serviços prestados pela sua empresa, além do favorecimento dos indicadores do RH, como a retenção de talentos, por exemplo.

Quer saber mais sobre o treinamento vivencial e como ele pode motivar a sua equipe?

O que é treinamento vivencial?

O treinamento vivencial é um tipo de capacitação que promove atividades experienciais e coletivas, dando ao grupo uma grande oportunidade de desenvolvimento de habilidades e competências empresariais, por meio da vivência de situações que fogem da sua zona de conforto. Normalmente este tipo de vivência é feita em um treinamento ao ar livre, que explora de maneira prática todo o potencial de seus colaboradores, melhorando o seu autoconhecimento e mostrando do que eles realmente são capazes. Todo o aprendizado é adquirido de forma lúdica, com a imersão dos treinamentos em situações dinâmicas e desafiadoras, com um ou mais problemas a serem resolvidos pela equipe. Após a solução do problema, o grupo também é exposto a atividades de reflexão, que aumentam a consciência sobre o trabalho em equipe e os pontos fortes e fracos que eles puderam perceber em seu desempenho.

Como o treinamento vivencial ajuda a motivar a sua equipe? Dentre as habilidades e competências desenvolvidas e potencializadas por meio do treinamento ao ar livre, podemos citar: liderança, inteligência emocional, trabalho em equipe, relacionamento interpessoal, foco, planejamento, adaptação à mudanças, argumentação etc. Veja abaixo mais alguns pontos de melhoria proporcionados pelo treinamento vivencial e que vão ajudá-lo na motivação da sua equipe!

Melhora a união da equipe

Como o treinamento vivencial incentiva a conexão entre os membros dos times, evidenciando que eles precisam uns dos outros para atingir os resultados desejados, a união entre eles acaba melhorando exponencialmente. Muitas vezes a rotina não permite que as pessoas se conheçam profundamente, principalmente em empresas de grande porte, e o treinamento vivencial propicia isso, de modo a gerar uma certa identificação e cumplicidade entre os membros de seu time. Isso com certeza faz com que eles passem a valorizar mais o trabalho um do outro e trabalhem de maneira mais integrada, o que é altamente benéfico para a empresa.

Estimula a busca por desafios

Ao passar por diversas situações desafiadoras durante a vivência, os profissionais sentem prazer ao superá-las e essa sensação é algo que eles levam também para a sua vida corporativa. Deste modo, eles se tornam muito mais aptos e estimulados a buscarem e enfrentarem desafios sem se acomodarem, assumindo uma postura muito mais proativa no ambiente de trabalho.

Aumenta a autoconfiança do profissional

A prática de um treinamento vivencial traz bastante reflexão aos seus participantes, o que promove uma verdadeira transformação pessoal, melhorando significativamente sua autoconfiança em todos os setores de sua vida, inclusive o profissional. Além disso, o treinamento ao ar livre fomenta a utilização das habilidades mentais, emocionais e físicas, mostrando que ele pode ir mais longe do que imagina em todos os âmbitos.

Desenvolve o senso de urgência

O senso de urgência também é fundamental para criar equipes mais motivadas e ele também pode ser melhorado com a aplicação de um treinamento vivencial. Ao passar por essa experiência intensa, onde seus colaboradores vão precisar tomar decisões rápidas, eles vão ganhar mais segurança e assertividade para agir em situações de pressão, aprendendo a lidar melhor com as demandas que surgem.

Conecta o funcionário à empresa

Uma prática vivencial, por envolver muitas emoções, é capaz de conectar a sua equipe ao propósito da empresa, que deve ser muito bem explorado durante a realização do treinamento.

As práticas também mostram a responsabilidade que cada um tem na resolução dos problemas da companhia e no comprometimento com seus resultados, o que aumenta o sentimento de pertencimento de cada colaborador à equipe e à empresa. Você já pensou em aplicar o treinamento vivencial em sua equipe mas ainda tem dúvidas sobre o tema? Entre em contato conosco e conheça melhor as possibilidades de desenvolver e motivar seus colaboradores por meio desta imersão fantástica!

Fortaleça a sua equipe com os nossos treinamentos!

Clique e Agende agora mesmo uma conversa com o Circuito Netas!

Como se tornar um gestor comercial de sucesso?

Você se tornou gestor comercial e está com dificuldades para gerir sua equipe? Descubra agora como se tornar um gestor comercial de sucesso!

O sucesso de uma empresa pode depender de uma boa gerência de vendas, já que é através das vendas que a empresa tem lucro e chances de crescimento.

Alguns fatores de desempenho do gestor comercial são cruciais para que o desenvolvimento da equipe de vendas flua positivamente. Veja quais são estes fatores e se destaque como um gestor comercial:

Faça planejamento

Analise desde a venda até a entrega do produto. É preciso estar envolvido em todo o processo para fazer um planejamento estratégico.

Crie metas objetivas

Após o planejamento estratégico, crie metas capazes de serem alcançadas, estipular metas inalcançáveis pode frustrar a equipe e a empresa como um todo.

Controle e organize seu time

Nessa etapa é hora de controlar tudo o que é feito, delegar de forma organizada as tarefas e mostrar as suas respectivas responsabilidades. O controle deve ser feito diariamente.

Saiba lidar com a pressão

É preciso saber lidar com a pressão, já que as metas dependem de outras pessoas para serem batidas e você será cobrado por isso. Pessoas experientes na área são mais propensas a saberem como se portar diante da pressão.

Avalie o desempenho da equipe

Não se esqueça de criar KPIs para avaliar o desempenho da sua equipe. A avaliação de desempenho ajuda na hora de premiar e comissionar o seu time.

Ouça e dê feedbacks

Dê espaço para a equipe poder falar em grupo ou individualmente e ouça com atenção tudo o que for dito, além disso, dê feedback semanal a todos da equipe. O feedback pode ser em grupo ou individual, lembrando que as críticas devem ser feitas individualmente.

Reconheça, premie e motive

Colaboradores produzem com qualidade e responsabilidade quando se sentem valorizados. Sempre que as metas forem batidas não se esqueça de elogiar, reconhecer e premiar, isso faz com que a equipe se sinta motivada.

Um bom gestor comercial é aquele que sabe como gerenciar a sua equipe e motivá-la. É preciso um trabalho bem feito para que o gerenciamento seja um sucesso.

Quer saber como a Circuito Netas pode te ajudar a desenvolver e motivar a sua equipe e te tornar um gestor comercial de sucesso? Fale com um de nossos consultores:

www.circuitonetas.com.br/contato

Confraternização: Por que utilizar o treinamento?

Dentro do mundo corporativo as festas de final de ano são momentos icônicos e sempre muito esperados. Em muitas empresas tornam-se um grande evento, é o momento onde os colaboradores têm a oportunidade de relaxar um pouco, rever amigos e colocar o papo em dia, sem a pressão do dia a dia.

Esse grande encontro, normalmente, envolve várias áreas da empresa para além do Recursos Humanos. O Marketing ajuda com detalhes que encantam, convites, banners, camisetas e etc. e, a boa comunicação está garantida. Compras resolve toda parte burocrática como cotar fornecedores, encomendar comidas e bebidas, cuidar de toda logística e garantir que tudo chegará no prazo. O pessoal do financeiro não fica de fora, batalha o budget da festa, libera verba antecipada para alguns detalhes, paga tudo no dia certo e ainda encontra um jeito para os presentes finais.

Ou seja, a festa de final de ano é um grande trabalho em equipe, não importa o que será feito existirá um cliente a ser atendido, normas a serem seguidas e uma regra clara, não passe dos limites pois segunda-feira nos veremos novamente ;).